Seis dicas sobre perdão

Não consigo me perdoar

O que é o perdão?

É uma habilidade que poucos possuem, mas que todos podem desenvolver. O perdão, de acordo com o dicionário, “é o ato pelo qual uma pessoa é desobrigada de cumprir o que era de seu dever ou obrigação por quem competia exigi-lo”.

Uma das maiores dificuldades do ser humano é não se permitir errar, não conseguir enxergar além do erro. Ou seja, se culpar por não ser perfeito! Exato! Foi isso mesmo que você leu, as pessoas se culpam por não serem perfeitas, e na maioria das vezes inconscientemente, precisam estar acertando a todo tempo, necessitam de uma rotina sem imprevistos e completamente regrada. E indivíduos assim, ao se deparar com a primeira dificuldade, erro, derrota, obstáculo ou seja lá o nome que podemos dar a essa situação, sofrem, e sofrem muito, a ponto de perderem totalmente a sua autoconfiança, fé e a coragem para recomeçar a caminhada.

E como lidar com essa culpa? Simples, colocando em prática o recurso de se perdoar. Você pode aprender mais sobre esse recurso no nosso Personal Training Zen, e entender que você tem SIM permissão para errar e aprender com os erros, a se melhorar a cada “queda” e principalmente, entender que o erro é tão importante quanto o acerto para sua evolução. O perdão é libertador, ele tem o poder de te livrar da dor e da culpa que podem permanecer na sua vida por muito tempo.

Ouvindo muito a respeito da culpa durante nossas sessões de coaching, resolvi deixar aqui seis dicas de como começar a se perdoar:

1 – Identificação:

Procure identificar em que momento você se decepcionou, viaje no tempo e busque pelos momentos em que você acha que falhou. Algumas vezes, você pode estar carregando essa culpa há tanto tempo que acaba se acostumando a conviver com ela, sem ter percepção do mal que ela está te causando. É hora de cortar o mal pela raiz!

2 – Reconhecimento:

Se permita sentir as emoções consideradas “ruins”, a culpa nos faz sentir: medo, tristeza, raiva de si mesmo e até mesmo a solidão. Para ajudar ainda mais, você pode escrever esses sentimentos em um papel, classificando e explicando como você sente cada um. Livre-se de julgamentos durante esse reconhecimento, já está “pesado” demais carregar essa culpa.

3 – Empatia:

Pode parecer estranho de se falar isso, pois empatia é algo que se sente pelo outro, no entanto, é válido. Você pode exercitar essa “empatia consigo mesmo” da seguinte forma: Imagine toda a situação que te causou culpa sendo vivenciada por alguém muito próximo a você, e que você pôde acompanhar toda a caminhada dessa pessoa até o momento da derrota. De que forma você a ajudaria a superar essa derrota?

4 – Perdão:

Chegou a hora de esquecer os problemas e partir para o que interessa, a solução. Hora de se livrar da culpa que tanto te atormentou, hora de se libertar! Depois de ter tido empatia com você mesmo, e visto toda situação de outro ângulo, chegou o momento onde você vai fazer um breve exercício, que consiste em: fechar os olhos, voltar a situação que você fracassou, vivenciar novamente todo aquele momento, e ao final, olhar bem no fundo dos seus próprios olhos e finalmente dizer: “EU TE PERDOO! Eu tenho consciência de que tudo o que você fez foi procurando acertar.”

5 – Gratidão:

Depois de um ato tão bonito que é perdoar, é necessário que você encha o seu coração com muitos sentimentos bons, entre eles a gratidão. Seja grato por poder recomeçar, porém, agora sem culpa nenhuma, livre daquele peso que você carregou durante tanto tempo. Ensine as outras pessoas a se perdoarem.

6 – Permissão:

Agora você tem a permissão para errar e aprender com o erro sem culpa. No entanto, muita atenção ao ficar se perdoando o tempo todo e continuar a cometer os mesmos erros, o nome disso não é mais perdão e sim autossabotagem. Se perdoe e se melhore!

E para te auxiliar nesse exercício de se perdoar, temos disponível no Genius Club o curso do “Crítico Apoiador”, onde você terá ao seu dispor diversos recursos para trabalhar principalmente a gentileza consigo mesmo e passar a se perdoar e olhar para os seus erros com carinho, após esse exercício você passará a não ter mais erros e sim aprendizados.

E para te ajudar ainda mais, temos também disponíveis alguns vídeos sobre o tema:

Como lidar com seus erros e se perdoar

Como lidar com os erros

Isso vai mudar a sua vida – Aula 13: Perdão

E lembre-se: “Tudo o que acontece na nossa vida se não é benção é lição!”.  

Coach Laiz Moreno

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>