Em que te ajuda cronometrar o tempo de estudo?

cronometro-sougenius-felipe-lima

 

Geralmente recomendo aos meus coachees que eles não cronometrem os seus tempos de estudo e descanso. Para a maioria essa prática gera uma ansiedade excessiva, prestando mais atenção no tempo de estudo, tirando o foco do aprendizado com qualidade e não agrega em nada. Alguns dizem que marcar o tempo traz entusiasmo e dá um gás extra quando a meta do dia é batida. Se cronometrar o tempo te faz bem, continue! Mas o problema é quando, por alguma razão, a meta não é batida e vem a cobrança, pressão, culpa, autopunição, crítico interno destrutivo e muita ansiedade!

 

A META, SEM META, BATER A META, DOBRAR A META
Vale lembrar que o planejamento de estudos (que deve ser personalizado para atender suas necessidades, horários e seu edital) serve para ORIENTAR os seus estudos. Ele deve te ‘servir’ e não você a ele. Por incrível que pareça, a sua meta nunca deve ser ‘cumprir o planejamento’ e sim ‘fazer o seu melhor, cada vez melhor’. Se você se limitar a cumprir apenas o seu planejamento, jamais vai superá-lo. Acompanho alunos no processo de Coaching que não conseguiam estudar mais que duas horas diárias e passaram a cumprir sete horas diárias sem estresse, sem pressão ou ansiedade. Você pode perguntar: e como eles sabem que cumpriram essas sete horas? Anotando a hora de começo e término dos estudos, o que é muito diferente de ter um cronômetro correndo contra o tempo.

 

“EU SÓ CONHEÇO A CONTAR QUANDO COMEÇA A DOER”
Perguntaram ao boxeador Muhammad Ali quantos abdominais ele fazia por dia. A resposta foi surpreendente: Eu não sei! Eu só começo a contar quando começa a doer. É absurdo esse nível de compromisso com a excelência, a superação contínua e não com uma meta. Metas servem apenas para serem superadas e não para que você dê limite a elas.

 

VANTAGEM
A única vantagem de medir o tempo dos estudos é poder equilibrar a dose de estudo para cada matéria e evitar estudar mais algumas matérias que outras.

 

MEDI, E AGORA?
Quando você faz uma medição cronometrando até os segundos estudados e descobre que está estudando menos horas que a META estipulada, o que fazer? Se você tem uma informação ela precisa servir para alguma coisa para que você possa tomar uma decisão e agir para corrigi-la ou melhorá-la. Você vai suprimir o SONO e dormir menos, matando neurônios e prejudicando absurdamente a sua memória? Você pode comer menos ou mais rápido, tomar um banho com dois sabonetes nas mãos ou até fazer xixi com mais força pra terminar mais rápido (acredite, já ouvi isso de uma aluna). A única coisa que você pode e deve fazer, constantemente, independente de marcação de tempo, é eliminar as dispersões e aproveitar o tempo ao máximo.

 

CONCLUSÃO
Faça aquilo que te faz bem. Se cronometrar o seu tempo te motiva a estudar mais ainda e não provoca ansiedade, continue. Mas, se fazer isso gera uma pressão desnecessária, jogue isso fora. A maioria dos nossos coachees, ao longo dos meus 16 anos de experiência em provas e concursos, param de contar os milésimos de segundos dos seus estudos e conseguem melhorar muito a QUALIDADE e até a QUANTIDADE das horas estudadas.
Faça o seu melhor, cada vez melhor e #RelaxaQueALuzTeAcha.

 

*DICA EXTRA
Os intervalos nunca devem ser fixos e definidos no planejamento de estudos. Você deve fazer uma pausa sempre que sentir o cansaço, a redução da concentração ou do rendimento nos estudos. Se fixar um tempo para parar de estudar você pode correr o risco de forçar os estudos mesmo com um baixo rendimento ou até parar de estudar quando está com todo o gás no domínio da matéria.

Perceba como você está rendendo nos estudos e faça breves pausas sempre que precisar. Isso vai te dar muito mais disposição, melhorar a qualidade dos estudos e você vai consegui estudar até por mais tempo.

Um abraço
Felipe Lima

Comentários

  1. Tati disse:

    Amei o post e no meu caso o que falta é ter um controle acirrado com as distrações. Luto contra isso todos os dias.
    Eu sou mais forte que isso e vou conseguir, um dia de cada vez.

  2. Mariana disse:

    Um dia de cada vez.

  3. Amanda disse:

    muito bom esse site, obrigado por todas essas dicas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>