Música e os estudos

músicas-para-estudar

Muitos coachees acham estranho quando indicamos que eles estudem ouvindo música. E por que sugerimos isso? Pois há vários estudos que comprovam a eficiência da música em relação aos estudos, tanto para melhorar a ansiedade e humor, quanto para melhorar o rendimento, eficiência da memória, concentração e raciocínio lógico.
Atualmente fala-se muito sobre a musicoterapia, um tratamento que se dá através de elementos constituintes da música, como: ritmo, melodia e harmonia. Elementos esses que facilitam a comunicação, relacionamento, aprendizado, expressão e organização. O principal objetivo da musicoterapia é o desenvolvimento de potenciais e restaurar funções do individuo para que se alcance uma melhora na qualidade de vida. Isso tudo dentro de um contexto terapêutico para tratamento de doenças, principalmente mentais. E por que não trazer isso para o nosso dia – a – dia, não é mesmo?

Os estilos de músicas recomendados para estudar podem variar de acordo com a matéria, e o estilo para cada matéria quem vai descobrir será você, através das experiências com os mais diversos estilos, mas ATENÇÃO!!! Músicas com letras não são muito recomendáveis, pois elas irão dar um pouquinho de trabalho para o seu cérebro captar a concentração. As músicas mais indicadas são: instrumentais (para matérias que requerem pensamento lógico, pois estimula a criatividade), músicas clássicas ou eruditas, jazz (é um estilo que ajuda a melhorar o seu humor), calmas (com batidas lentas para ajudar a desacelerar a mente), músicas ambientes (essas são capazes de te fazer esquecer que está ouvindo música), músicas de filmes (indicadas para momentos desafiadores, pois estimula a motivação) e por fim música de trilhas sonoras de vídeo game (pois são produzidas com o intuito de estimular a concentração dos jogadores).

Bacana, não é mesmo? Que tal dar o play na nossa Playlist Sou Genius e fazer o seu estudo decolar!?
Siga-nos em nossas redes sociais!

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

Coach Laiz Moreno

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>