Posso usar medicamentos pra emagrecer?

Aposto que você que me lê já tentou emagrecer com chá preto, verde, colorido, sertralina, fluoxetina, quitosana, ou com outros compostos de nomes estranhos… Já?

É natural que sejam tão procurados. Os medicamentos acabam por fazer o que as pessoas não estão dispostas, ou não têm conseguido fazer sozinhas. Elas não querem mudar um hábito, resolver um sentimento, encarar de frente uma emoção. E o desenrolar da história é assim: se você usa um recurso externo pra mascarar um problema interno, sempre dependerá do recurso externo!

Entendem porquê algumas pessoas ficam dependentes de remédios?

Ervas que têm efeito na redução do peso, por exemplo, são são a bola da vez. Cada dia surge um novo chá emagrecedor! Mas é importante que você saiba que cada composto tem uma ação predominante.
Se o seu problema for a ansiedade não adianta usar uma droga ou erva que acelere o seu metabolismo. Você concorda que isso pode até te engordar mais?

Olhe que interessante o efeito do chá preto: ele queima 77 kcal por dia se tomado em grande quantidade. Esse gasto é tão pequeno que, caso a pessoa coma uma barra de cerais a mais, ela ganhará mais kcal que o chá ajudou a tomar. Nem os medicamentos fazem milagre.

Queremos recursos médicos cada vez mais avançados, mas deixamos de lado o básico. Não caia nessa! São atitudes simples que fazem a diferença no processo de emagrecimento.

E mudar de verdade significa identificar as necessidades de mudança sem dó de si mesmo, fazer o que tem que ser feito sem corpo mole e não deixar que você sabote o processo. Significa entender o que te leva a comer em excesso, e não remediar paleativamente a vontade de comer. Significa se conhecer!

No nosso programa de Coaching de Emagrecimento nós trabalhamos a recuperação do corpo e mente: é um processo que está muito além de dietas, chás milagrosos ou drogas medicamentosas. É tratar a raiz do problema.

E acredite: quando você entende essa conexão, emagrecer é natural, sem sofrimento.

Um abraço,
Coach Nati Torres.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>